domingo, 2 de novembro de 2008

Vem...

Pouco?
Foi apenas o começo.
Quero..
Anda...
Continua, não pares. Vem saciar este ardor que ainda me queima.